A Galeria Jaqueline Martins é um espaço de pesquisa, documentação, fomento e exibição da produção artística contemporânea. Propõe estratégias curatoriais colaborativas e inovadoras, que fomentem o diálogo entre diferentes gerações e distintas perspectivas culturais. Mantém como diretriz principal o estímulo às práticas artísticas caracterizadas pelo conceitualismo, pela ênfase nos processos, e pela postura crítica, e muitas vezes subversiva. 

Desde sua inauguração, em 2011, desenvolve um programa especial de investigação em torno das produções artísticas realizadas durante o período ditatorial no Brasil – em particular nas décadas de 1970 e 1980. Promove uma revisão histórica de processos desenvolvidos a partir de forte resistência intelectual, cuja ousadia e compromisso com a arte transformou a prática no país, mas cuja expressão, no entanto, foi extensivamente negligenciada ao longo das últimas décadas.

Ao integrar pesquisas e práticas que confrontam a cena contemporânea em seu programa expositivo, a Galeria contempla revitalizar o debate que compreende ações artísticas como zona de contato para o exercício de mudanças estéticas, sociais e políticas.

Share on FacebookTweet about this on TwitterGoogle+Pin on Pinterest