Recomeços: quatro inícios

Maria Noujaim

Recomeços: quatro inícios

Maria Noujaim

  • Período
  • 03.02 — 24.03.2018

  • Abertura
  • 03.02 — 14hrs

  • Curadoria
  • Germano Dushá
  • Facebook
  • Twitter
  • E-mail
  • WhatsApp

Recomecemos pelo nada. Pela inclinação. Pelos fluidos que correm nos pulsos, cotovelos, tornozelos e joelhos. Pela dinâmica postura do pescoço. Pelo alcance dos dedos. Pelo início.


Recomecemos pelo ânimo que antecede a ideia. Pela linguagem anterior ao verbo. Pelos primeiros apontamentos. Pela origem da geometria. Pelas torções das quais surgem as formas. Pelo contorno da coisa nenhuma. Pelo início. 


Recomecemos pelo caráter fóssil do alfabeto. Pelas possíveis combinatórias. Pela flexão dos códigos até o estilhaço. Pelo ranger da invenção. Pelo neologismo. Pelos vetores que iniciam o diálogo. Pela anatomia do encontro. Pelo que pode ser lido de trás pra frente. Pelo parafuso do compasso. Pelo imã dos ponteiros. Pelo início. 


Recomecemos pelo rascunho do signo. Pelo esgarçamento das articulações. Pela tensão e pela vontade. Pelo exercício do início. 

  • Facebook
  • Twitter
  • E-mail
  • WhatsApp