Adriano Amaral

  • Facebook
  • Twitter
  • E-mail
  • WhatsApp

Ribeirão Preto, Brasil, 1982

Vive e trabalha entre Lisboa e São Paulo


Desde o início de sua prática, Adriano Amaral busca um corpo de trabalho que tem como base seu interesse na matéria, superfície, fragilidade e processo. Todos esses problemas manifestam-se em instalações e esculturas onde qualidades antropomórficas e a percepção do tempo se entrelaçam de forma ambígua. Ao longo de sua produção mais recente, seu trabalho é marcado por um exame aprofundado sobre a natureza das coisas que nos cercam: o corpo humano como uma entidade fechada e simultaneamente porosa, nossas percepções de espaço arquitetônico e o valor dos objetos cotidianos são a base de sua pesquisa artística.


Depois de concluir seu mestrado no Royal College of Art de Londres, em 2014, Adriano fez uma residência artística em 2016 no De Atelier, Amsterdã, e recebeu o Mondrian Fonds Work Contribution Proven Talent em 2017.


Suas recentes exposições incluem projetos solo na Vleeshal Zusterstraat, Holanda, Bielefelder Kunstverein, Alemanha, e Galeria Jaqueline Martins, em São Paulo, Brasil. Exposições coletivas incluem projetos no Sixty Eight Art Institute, Copenhague, Museu de Arte Moderna de Moscou e Beelden Aan Zee, em Haia, Holanda.

  • Facebook
  • Twitter
  • E-mail
  • WhatsApp